É muito doce a gente se sentir fraco e pequeno!
Bom Dia! São José dos Campos, terça-feira, 24 de outubro de 2017

Avisos Paroquiais
Receba nosso informativo diretamente em seu e-mail.
Qual o significado dos termos Solenidade, Festa e Memória, aplicados às celebrações litúrgicas?


23/06/2013

Estes termos expressam os graus ou categorias das celebrações litúrgicas, enquanto colocam em destaque os mistérios da fé e acontecimentos salvíficos ou recordam pessoas que fazem parte da história da salvação, tendo colaborado com ela de modo especial.

Solenidade é o grau mais alto de celebração litúrgica. São solenidades, por exemplo, o Tríduo Pascal, o Natal do Senhor, a Epifania, a Ascensão de Jesus, Pentecostes etc. Estas celebrações trazem presente aos que delas participam os mistérios fundamentais da fé cristã.

Festa é o termo utilizado para as celebrações litúrgicas de alguns mistérios salvíficos (Apresentação do Senhor, Transfiguração, por exemplo), de alguns títulos de Nossa Senhora (Nossa Senhora de Guadalupe, por exemplo) e dos Santos Apóstolos.

Memória é a celebração comemorativa de um santo, que pode ser obrigatória ou facultativa. Está num grau menor de importância, mas recebe esse nome para indicar que naquela celebração se recorda determinado santo e sua importância para a Igreja.

Embora todas as celebrações litúrgicas sejam atualização do Mistério Pascal de Jesus Cristo e seus efeitos em nossa vida, cada categoria evoca um mistério, acontecimento ou pessoa, em graus distintos, e isso deve ser observado tanto por quem prepara a liturgia quanto por quem dela participa, para fazê-lo adequadamente.

Pe. Edinei Evaldo Batista

Pároco

 

Voltar

 
| Política de privacidade © 2010 Paróquia Santa Teresa do Menino Jesus. Todos os direitos reservados.