Para mim a oração é um impulso do coração, um simples olhar para o Céu, um grito de gratidão e amor no meio da provação como no meio da alegria.
Bom Dia! São José dos Campos, terça-feira, 24 de outubro de 2017

Avisos Paroquiais
Receba nosso informativo diretamente em seu e-mail.
Como os Apóstolos morreram?


24/06/2012

Essa pergunta é difícil de ser respondida com precisão e em todos os casos. Não temos documentos que registraram a “causa mortis” dos Apóstolos. Temos apenas os testemunhos dados pelas comunidades cristãs e um ou outro registro bíblico ou histórico.
São Tiago Maior foi decapitado em Jerusalém, conforme At 12,2. Pelo testemunho dos cristãos antigos de Roma sabemos que São Pedro morreu crucificado de cabeça para baixo, nesta cidade. Também aí morreu decapitado São Paulo. De São Bartolomeu se diz que teve a pele arrancada, o que é representado por Michelangelo no “Juízo Final”, pintado na Capela Sixtina. O que a Tradição afirma é que a maior parte dos apóstolos foi mártir e é assim que a Liturgia os celebra, chamando inclusive o dia de seu martírio de “dies natalis” (dia do nascimento para o Céu). Somente São João Evangelista não foi mártir, mas morreu exilado.
Mesmo não tendo detalhes certos acerca da morte dos Apóstolos, temos a firme confiança de que morreram por causa da fé, testemunhando-a com a entrega da própria vida, na fidelidade Àquele que os escolheu para estarem junto a si e os enviou para pregar em seu nome. Certamente Aquele que os associou à sua vida e missão também os uniu à sua sorte final: entrega da vida e ressurreição gloriosa.


Pe. Edinei Evaldo Batista
Administrador Paroquial

 

Voltar

 
| Política de privacidade © 2010 Paróquia Santa Teresa do Menino Jesus. Todos os direitos reservados.